KIT MÍDIA Contato

por: Marcio Nato Rodrigues - Curitiba(PR)

Data: 14/11/2017 às 09h29min - Atualizada em 14/11/2017 às 09h32min
.. O pagamento do 13ª salário aos trabalhadores do mercado formal do Paraná deve injetar R$ 6,8 bilhões na economia dos 40 maiores municípios do estado, até o fim de dezembro, estima o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Para o cálculo, o Dieese levou em conta dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ambos do Ministério do Trabalho. Os 40 municípios foram selecionados com base nas estimativas populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No caso da Rais, o Dieese diz ter considerado todos os assalariados com carteira assinada, empregados no mercado formal, nos setores público (celetistas ou estatutários) e privado, que trabalhavam em dezembro de 2016, acrescido do saldo do Caged do ano de 2017 (até setembro).

O valor a ser injetado durante este ano representa um crescimento de 3,85% sobre o valor de 2016 (R$ 6,55 bilhões), baseado nos dados da Rais 2016. Além disso, o montante corresponde a 82,25% do total a ser injetado no mercado formal (celetista e estatutário) da economia paranaense em 2017.

A previsão é de que 2,3 milhões de trabalhadores desses municípios recebam o rendimento adicional — número 0,5% maior do que em 2016. A média de pagamento é de R$ 2.972,86 para cada beneficiado; no ano passado, a média foi de R$ 2.877,43.

Fonte: G1

13º salário deve injetar R$ 6,8 bilhões nos 40 maiores municípios do Paraná, estima Dieese