KIT MÍDIA Contato

por: Marcio Nato Rodrigues - Curitiba(PR)

Data: 06/11/2017 às 15h05min - Atualizada em 06/11/2017 às 15h05min
.. Uma das obras mais aguardadas por quem circula pela BR-476, no fim da Linha Verde Sul, começa nesta segunda-feira (6/11). A partir das 9h, a Prefeitura vai começar a recuperação do pavimento em trecho no Pinheirinho.

A obra terá início no ponto em que a alça do Contorno Leste se encontra com a BR-476, quase em frente à fábrica da Milli, no sentido para Curitiba da rodovia. Em decorrência do intenso fluxo de veículos na região, o trânsito deve apresentar lentidão durante o período das obras.

Agentes da Setran e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) vão acompanhar os trabalhos e orientar os veículos que passarem pela região. Somente uma faixa da BR-476, sentido Curitiba, ficará liberada para o tráfego durante as obras de fresagem na segunda.

As obras serão feitas das 9h às 16h, sem interrupção para o almoço.

Esta será a 59ª via a ser recuperada com asfalto novo neste ano, contando obras de implantação de pavimento, fresagem e recape, além de grandes revitalizações de pavimentos.

Sem buracos
Serão recuperados 3.680 metros da BR no trecho entre a Rua Izaac Ferreira da Cruz e a alça de acesso do Contorno Leste, no Pinheirinho. Este trecho é um dos mais deteriorados e com buracos da rodovia. As obras serão feitas nos dois sentidos da rodovia (1.840 metros em cada sentido, Fazenda Rio Grande-Curitiba e Curitiba-Fazenda Rio Grande).

A obra será feita com recursos próprios da Prefeitura que somam um investimento de R$ 1,9 milhão. Os trabalhos têm prazo de 60 dias para serem concluídos.

Os motoristas que quiserem driblar o trânsito lento no trecho têm opções de desvio pelo Contorno Leste e pela Nicola Pellanda.

Futuro
Apesar de ser uma BR federal, o trecho que será revitalizado já é de responsabilidade da Prefeitura, já que a União repassou para o município a manutenção da via. No futuro será licitada a obra que irá estender a Linha Verde Sul até o ponto onde agora está sendo revitalizado o asfalto.

O município busca recursos para executar a obra, que terá os mesmos moldes da Linha Verde, com canaleta central para o transporte coletivo e vias marginais. Trata-se de uma obra de grande porte que ainda não tem previsão para ser executada.

Outras obras
A sequência das obras de pavimentação na Rua Estados Unidos, no Bacacheri, também vai provocar alterações de trânsito. Serão feitos serviços de pavimentação entre as ruas Canadá e Nicarágua, e entre as ruas Colômbia e Coronel Temístocles de Souza Brasil.

Por conta das obras, apenas uma das faixas da Estados Unidos estará liberada para o tráfego. Os trabalhos serão feitos das 9h às 11h30 e das 13h30 às 16h30.

Nos bairros São Lourenço e São Francisco também serão feitas obras de correções geométricas na Nilo Peçanha. Na esquina com a Rua Domingos Nascimento e com a Albino Silva serão feitas recuperação do pavimento.

As mudanças são necessárias para a implantação do futuro binário Mateus Leme/Nilo Peçanha. A orientação é que o motorista diminua a velocidade na região, pois pode encontrar alguma faixa da Nilo Peçanha bloqueada temporariamente para os serviços.

Os trabalhos são feitos das 9h às 11h30 e das 13h30 às 16h30.

Balanço
Desde o começo do ano, foram iniciadas obras de recape e pavimentação em 58 importantes ruas da cidade, em todas as dez Administrações Regionais. São 34 vias atendidas com a reciclagem e fresagem, outras 21 com implantação de pavimento e três revitalizações completas. O investimento até agora é de R$ 24,3 milhões na recuperação de 31,4 quilômetros de vias.

Uma das ruas recuperadas foi a Treze de Maio, no Centro de Curitiba. As obras da nova pavimentação foram concluídas em menos de um mês.

Fonte: PMC

Recuperação de asfalto na Linha Verde Sul começa nesta segunda